Search

Smartmatic

A Sequoia Voting Systems apóia a revisão das eleições primárias em Chicago e o Condado de Cook

A Sequoia Voting Systems apóia a revisão das eleições primárias em Chicago e o Condado de Cook


Oakland, CA, 29 de março de 2006. ‐ A Sequóia Voting Systems apóia a decisão dos poderes eleitorais da cidade de Chicago e do Condado de Cook para revisar todas as questões ligadas às eleições primárias realizadas em 21 de março de 2006. A companhia prevê que os resultados daqueles testes vão confirmar – sem dúvida nenhuma – que os equipamentos e os serviços fornecidos pela Sequoia cumpriram com todas as obrigações éticas e contratuais estabelecidas pela Cidade e pelo Condado.

“Continuamos trabalhando junto com as autoridades eleitorais do Condado de Cook e da cidade de Chicago para possibilitar um processo eleitoral mais simples e fácil nas próximas eleições gerais de novembro. Particularmente através do apoio e a presença nos processos externos e fatores humanos que fizeram parte dos comícios primários”, afirmou Jack Blaine, presidente da Sequóia Voting Systems. “Também garantimos que faremos as revisões técnicas do sistema que sejam precisas e estamos dispostos a ajudar em qualquer verificação independente que a Cidade ou o Condado decidir levar adiante”.

Durante mais de 100 anos, a Sequoia Voting Systems sediada na Califórnia, tem sido um fornecedor de equipamentos e serviços eleitorais líder em cidades, condados e estados ao longo de todo o território norte‐americano. Os sistemas eleitorais da Sequóia já foram aplicados em centenas de jurisdições em 20 estados dos EEUU.

As eleições primárias da cidade de Chicago e o Condado de Cook tiveram desafios únicos. Por uma parte, tanto os eleitores quanto os juízes de mesa experimentaram pela primeira vez o “voto prévio”; além disso, uma nova tecnologia eleitoral que requer processos rigorosos de coleta de dados foi iniciada e, em paralelo, o uso de dois tipos diferentes de máquinas de votação (leitor ótico e equipamento sensível ao tato) apresentou desafios adicionais.

O presidente do poder eleitoral da cidade de Chicago, Langdon D. Neal, junto com Davis Orr, diretor do Conselho do Condado de Cook, em uma recente mensagem assegura que “estes desafios não foram inesperados porque nenhuma autoridade eleitoral dos Estados Unidos tinha conseguido fusionar e transmitir resultados eleitorais desde dois sistemas de votação diferentes localizados no mesmo local das eleições. No entanto, há boas notícias a serem divulgadas sobre o novo sistema e a experiência da eleição em geral.

Segundo recentes depoimentos feitos em coletivas por Langdon Neal, cada eleitor que exerceu o seu voto nas eleições primárias podem ficar tranqüilos e ter a segurança de que o seu voto foi apurado corretamente. Em geral, os eleitores enxergaram e reconheceram o novo sistema de votação comparado à velha tecnologia de cartões perfurados. O processo de votação foi muito mais simples, fácil e a experiência média do votante foi ótima.

Nessa carta pública, Langdon Neal e David Orr disseram que “para a grande maioria dos votantes, o dia da eleição foi uma experiência muito simples e decorreu sem nenhum problema”.

A Sequoia tem responsabilidade direta pelo funcionamento técnico do equipamento de votação utilizado no Condado Cook e na cidade de Chicago. Funcionários da empresa têm certeza absoluta de que a tecnologia de tabulação funcionou precisa e adequadamente durante o processo e ajustarão o que for preciso visando garantir que os funcionários ou juízes dos centros de votação possam operar mais facilmente essas máquinas de votação.

Qualquer mudança de tecnologia, por mais simples que for, tem uma curva de aprendizado. “Desde uma rede de escritório, telefone celular, iPod, e até um equipamento de votação, pode ser uma dor de cabeça ao momento de inserir esta nova tecnologia”, disse Blaine, presidente da Sequoia.

“Temos muita confiança de que a Sequoia, junto com os poderes eleitorais do Condado de Cook e da cidade de Chicago, podem trabalhar juntos para resolver os desafios que surgiram na semana passada e garantir assim uma votação mais fácil, eficiente para os juízes de mesa e que os resultados sejam disseminados o mais rápido possível”, finalizou Blaine.


**
Sobre a Smartmatic
A Smartmatic é uma empresa multinacional especializada no design e aplicação, desde o começo até o fim, de soluções tecnológicas de elevada complexidade voltadas para aplicações específicas. Possui a melhor tecnologia de ponta, além de inovação continua e qualidade em processos e resultados comprovados. A Smartmatic está organizada em três áreas de negócios fundamentais, nomeadamente, sistemas automatizados de votação, sistemas inteligentes e integrados de segurança para zonas geográficas muito grandes e soluções completas para o cadastro e autenticação de pessoas.

A Smartmatic é uma companhia de capital privado que tem acima de 200 funcionários espalhados nos escritórios dos Estados Unidos, de Barbados, do México, da Venezuela, da Espanha, das Filipinas e de Taiwan. Na atualidade, é amplamente reconhecida sob o ponto de vista tecnológico em nível mundial pela sua capacidade de inovação e pelo seu extenso porta‐folio de produtos.

Contato:

Mais informações sobre esta nota de imprensa, escrevendo para comunicaciones@smartmatic.com


**
Sobre a Sequoia Voting Systems
A Sequoia Voting Systems é a empresa fornecedora de tecnologia eleitoral e sistemas de votação com telas sensíveis ao tato mais experiente nos Estados Unidos.

A Sequoia foi a companhia que colocou o maior número de máquinas de votação do tipo “touch screen” durante as eleições presidenciais de 2004 nos Estados Unidos e a única a oferecer as máquinas com comprovantes físicos do voto. É assim que a companhia é responsável pelo interesse do eleitorado norte‐americano em sistemas de votação com telas sensíveis ao tato e comprovantes impressos do voto.

Oakland, Califórnia, é a sede dos escritórios principais da Sequoia, além de ter escritórios ao longo dos Estados Unidos.

Contato:

Michelle M. Shafer
VP, Communications & External Affairs.
mshafer@sequoiavote.com