Search

Smartmatic

Eleições regionais Venezuela 2008: Auditorias

A Smartmatic e o CNE (Conselho Nacional Eleitoral venezuelano) organizaram diferentes testes para respaldar o sistema de votação auditável para estas eleições regionais.  Representantes técnicos de todos os partidos políticos aprovaram o hardware e o software das urnas de votação, bem como os processos de transmissão e totalização.

Teste de engenharia (5 outubro)
Junto com a Smartmatic, CANTV, CADAFE, AEROCAV, o Plano República (plano de segurança do exército) e as zonas educacionais, o CNE testou a plataforma de transmissão, tendo um resultado de 100% de efetividade.

Auditorias do software de votação (6-13 outubro)
Técnicos dos partidos políticos e o CNE avaliaram a programação das urnas.  Representantes da Smartmatic demonstraram o funcionamento do software das urnas no que tange cada uma das suas funções, nomeadamente abertura, votação, encerramento, transmissão, dentre outras.  

Auditoria do hardware (6-13 outubro)
Técnicos do CNE e os partidos políticos avaliaram detalhadamente o hardware das urnas de votação visando revisar todos seus componentes físicos, tais como placas mãe, cartões de rede e membranas e telas sensíveis ao toque.  

Simulação eleitoral nacional (26 outubro)
Este teste ajudou na correção de falhas logísticas que foram detectadas durante o teste de engenharia e na revisão e certificação de uma série de processos, incluindo: a transmissão, a engenharia e a totalização, a plataforma tecnológica e logística, as mesas de votação, a distribuição do cadastro eleitoral, a participação dos membros de mesa e a distribuição das urnas eleitorais.  

Os eleitores participaram em 2.740 centros piloto de votação (dois centros piloto funcionais em cada estado). O sistema atingiu 99% de eficiência.